A Graviola e a Anona são o mesmo fruto, ou seja, o fruto da árvore da Graviola (Annona muricata).

A sua denominação é diferente dependendo do lugar no mundo.

Wikipedia: "Outros nomes comuns incluem: Mang cầu Xiem (vietnamita), Coração de Boi (Moçambique), Evo (Ewe, Volta Region, Gana), Ekitafeeli (Uganda), Mtomoko (Swahili), Aluguntugui (Ga, Greater Accra Region, Gana), guanábana (espanhol), Graviola (Português do Brasil, pronunciado: [ɡɾɐviɔlɐ]), Anona (Português Europeu), Graviolo (Esperanto), corossol (francês), "coeur de boeuf" (República Democrática do Congo), kowosòl ( crioulo haitiano), කටු අනෝදා (Katu Anoda) (cingalesa), sorsaka (Papiamento), adunu (Acholi), mamão brasileiro, guyabano, guanavana, toge-banreisi, benggala durian, belanda durian, blanda Nangka, ทุเรียนเทศ [turi: jen te : d] (Thai), sirsak (Indonésia), Zuurzak (holandês), tomoko (Kiswahili), e Nangka londa Em Tamil, Malayalam, chamado Mullatha, literalmente maçã espinhosa. Os outros nomes indianos menos conhecidos são sinagoga-Ram-fal e Lakshman Phala e, em Harar (Etiópia) em linguagem Harari conhecida é há séculos como Amba Shoukh (Mango espinhoso ou fruta espinhosa) e Annuni na Somália. "


Os ingredientes / substâncias ativas são encontradas principalmente nas folhas, cascas e caules, não no fruto.

As frutas e sumos de frutas contêm açúcar, que é como um motor para o cancro: assim, reduzindo a quantidade de açúcares simples nos alimentos, o aparecimento de células cancerosas pode ser suprimido ou retardado, a proliferação de células tumorais já existente pode ser abrandada, parada ou invertida pela privação das células malignas dos alimentos de que necessitam para sobreviver.

Pode encontrar a fruta em algumas mercearias asiáticas e em lojas especializadas.


1.Todos os produtos Herbal D-Tox vêm dos nossos laboratórios de análise e de produção localizados na Tailândia.

2.Toda a produção é controlada pelos serviços governamentais antes do envio. Estes peritos emitem os Certificados Fitossanitários. Estes certificados também servem como certificado de origem e certificado de conformidade.

https://www.herbal-d-tox.com/img/others/da1d.jpg


O mecanismo das acetogeninas (1) e sua ação citotóxica (2) faz-se pela inibição do complexo mitocondrial I (3) (Lannuzel et al., 2003), e a inibição da oxidação da NADH ligados à ubiquinona (4) nas membranas do plasma das células cancerígenas causando a apoptose (5) (Alali et al., 1999). Torres et al. (2012) demonstraram que os extractos de Annona Muricata suprimiam a fosforilação das moléculas-chave (6) envolvidas na quinase regulada por sinal extracelular (ERK) e o 3'kinase fosfatidilinositol (PI3 K / Akt) pelos quais desempenham um papel crucial na proliferação e sobrevivência das células do câncer/ cancro do pâncreas. Além disso, o extracto da planta inibiu a expressão do transportador de glucose (7) e as enzimas glicolíticas, o que conduziu à redução da absorção de glicose e à produção de ATP por células PC (Torres et al. 2012).

1) A citotoxicidade: é a capacidade que um agente químico ou biológico tem para ser tóxico às células, e possivelmente destruí-las. (2) acetogeninas: são agentes bioativos, principalmente nas folhas e casca da Annona muricata (Graviola). (3) Inibição de prevenção do complexo mitocondrial da cadeia respiratória. (4) ubiquinona oxidase: muitas vezes chamada de coenzima Q10, é uma molécula envolvida na cadeia respiratória. (5) A apoptose (morte celular programada) é o processo pelo qual as células desencadeiam a sua autodestruição em resposta a um sinal. (6) A fosforilação das moléculas: permite, nomeadamente, a transferência de energia. (7) A glicose é a fonte principal de energia do corpo.

Resumo: Os agentes ativos presentes nas folhas da graviola, causam a morte celular, privando-as de oxigénio, energia e açúcar (açúcar, o principal motor das células cancerígenas).


Não, a Graviola (Annona muricata) não é um medicamento; é o fruto de uma pequena árvore da família das Annonaceae que cresce naturalmente, principalmente na Amazónia e no Sudeste Asiático.

No entanto, é usada na medicina tradicional em muitos países, particularmente na América do Sul e sudeste da Ásia.


As cápsulas estão 100% preenchidas com folhas de Graviola micro pulverizada, sem quaisquer aditivos ou conservantes.

É importante esclarecer que este não é pó de frutas desidratadas, como costuma encontrá-lo à venda na Internet.

A maior parte dos ingredientes ativos permanecem nas folhas, cascas e caules.

O invólucro da cápsula é composto por 100% de substâncias vegetais naturais, sem corantes ou produtos químicos.


Existem 2 opções para consumir as folhas, tanto em decocção quente ou infusão a frio:

O princípio da infusão fria:

Utilizamos o termo infusão porque é mais bonito do que o termo correto, que é maceração*.

O resultado da infusão de uma bebida fria dá um toque delicadamente aromatizado, que não é muito pesado no paladar. Basta simplesmente colocar as folhas de graviola (folhas em tiras ou pedaços) em água (a água da torneira, água filtrada ou água de nascente) à temperatura ambiente. Use as mesmas quantidades como para uma decocção quente, ou seja 7 a 9 folhas cortadas em tiras em 6dl de água ou 1,5 g de folhas num infusor para 2dl de água.

  • Permita que a infusão descanse no frigorífico durante 6 a 8 horas (durante a noite).
  • Filtre o seu chá, e mantenha refrigerado num frasco de vidro fechado.
  • Não é necessário adoçar uma vez filtrado, e é aconselhável que bebea o chá frio dentro de 12 horas.
  • Não guardar por mais de 24h.

Decocção quente:

  • Coloque entre 7 e 9 folhas (dependendo do tamanho) de Graviola previamente desfeitas manualmente em 60 cl de água fria (3 copos de 20 cl) ou 1,5 gramas de folhas num infusor em 2 dl de água.
  • Deixe levantar fervura.

  • Deixe ferver por 30 minutos.
  • A sua decocção está pronta.
  • Repita o processo todos os dias.

A maceração é um método de extração muito similar ao da infusão, mas que é mais longo. Consiste em permitir que as plantas repousem num líquido, como água, álcool, óleo ou mesmo vinagre, a fim de extrair os ingredientes ativos.


A Herbal D-Tox comercializa as folhas da Graviola cultivada na natureza, e secas de forma natural, ao ar livre. Se de alguma forma fossem eles aquecidas para ser esterilizadas, perderiam as suas propriedades.

As folhas são embaladas a vácuo para preservar os seus ingredientes ativos mais potentes e as propriedades naturais ao longo de semanas e também para facilitar o transporte.

As folhas são ainda secas ao ar livre para manter a frescura e as propriedades terapêuticas.


  • O extrato líquido é um concentrado de agentes ativos. É obtido através de destilação a vapor de água num alambique. Apenas uma parte da anona (folhas e casca) é usada para extrair a essência da planta, concentrando os seus ingredientes ativos. A confeção do extrato capta os materiais mais subtis e frágeis produzidos pela planta.

  • As folhas são usadas para fazer decocções.

  • As cápsulas destinam-se sobretudo às pessoas que não têm a oportunidade de fazer decocções. A decocção pode substituir as cápsulas tomadas antes de uma refeição, enquanto a dosagem recomendada ainda é respeitada, ou seja, 4 cápsulas em comparação com uma xícara de decocção.

  • O chá é composto por folhas cortadas, e que estão prontas para utilizar num bule de chá.

Cada categoria de produtos vendidos no site Herbal D-Tox tem as suas próprias sugestões de utilização, dependendo da patologia que deseja ver tratada.

Pode encontrar essa informação na secção "Dosagem Recomendada" na parte inferior de cada produto.


Toda a gente, doente ou não, pode beber a infusão de graviola (Annona muricata). A Graviola estimula o sistema imunitário e protege contra a gripe, a tosse, constipação, febre, etc....

Quando graviola é tomada como tratamento para uma patologia, recomenda-se, pelo menos: a ingestão por 3 meses, uma pausa de uma semana, e repetir por mais 3 meses.


As folhas da Graviola têm ingredientes ativos (acetogeninas) que destroem células malignas de vários tipos.


A Graviola é um excelente complemento para tratamentos químicos. Além disso, parece que pode também reduzir os sintomas das sessões de quimioterapia, especialmente a perda de peso, perda de cabelo, vómitos, tonturas e náuseas.

Não é aconselhado parar ou substituir o tratamento convencional, se decidir tomar produtos de Graviola. Além disso, recomenda-se a consultar o seu médico antes de tomar qualquer suplemento dietético.


As mulheres grávidas devem evitar o consumo de graviola, pois poderia ser contraproducente para a gravidez.

A Graviola é um hipotensor (reduz a pressão arterial), um vasodilatador (dilata os vasos sanguíneos), e causa depressão cardiovascular (diminuição da frequência cardíaca e respetiva contratilidade).

Não utilizar mais do que o indicado.

Manter fora do alcance de crianças.

As pessoas com alergia a qualquer um dos componentes não devem usar este produto.

Alérgenos: livre de alérgenos, livre de OGM, sem glúten, sem aditivos, sem corantes, sem conservantes

A Graviola tem muitos benefícios se a dosagem for respeitada, e sem apresentação de contra-indicações. No entanto, é aconselhável suspender a sua utilização ao longo do tempo, porque o consumo prolongado e em doses elevadas, pode levar à perda de algumas das bactérias benéficas ao trato digestivo. Isso pode causar náuseas e vómitos.

A Graviola pode potenciar as drogas antidepressivas e interferir com inibidores da MAO-A. Estes produtos nunca devem substituir o conselho de um médico ou especialista.

Extratos e produtos derivados da Graviola (Annona muricata) podem causar sonolência e sedação.


A Graviola é uma planta exótica nativa dos países da América do Sul.

No Brasil esta planta designa-se de Graviola, Coração de Boi em Moçambique, Sapodilla na Ilha de Reunião (que advém do nome do fruto na Índia: Sapadille), também conhecido como Soursop em Inglês, Guanábana em Espanhol, Mang-cau no Vietnam ou Thu-riankhaek na Tailândia.

As folhas de Graviola contêm alcaloides sedativos, Liriodenina e Atherosperma, minerais e vitaminas (C, B1 e B2). A Graviola é um concentrado de antioxidantes.


Aqui pode verificar uma longa lista de propriedades terapêuticas atribuídas a todas as partes da árvore da Graviola:

  • antibacteriana, combate às células adoecidas, anti convulsivante, antidepressivo, antidiarreico, anti disenteria, anti-inflamatórios, antifúngicos, antineoplásico, antiparasitários (vermífugo), antiespasmódico, anti tumoral, antiviral, adstringente, carminativa, limpa o sangue, antipirético, hipotensor , inseticida, sedativo, diaforético, vasodilatador.

A Graviola tem poucos efeitos secundários, mas não é recomendado que as mulheres grávidas a consumam em excesso (um pouco, ocasionalmente, é permitido). É possível consumir toda a planta, isto é, as folhas, frutos, flores, raízes, caules, casca, com qualquer medicamento.

Pode ser que, no início do tratamento, a anona provoque diarreia; é necessário reduzir a dosagem de seguida, de modo a que o corpo possa lentamente se ajustar aos efeitos poderosos dos ingredientes ativos da anona, e voltar à dose recomendada nos dias seguintes.


Foi sugerida, pela equipe do CHU de Pointe-à-Pitre, uma ligação entre o consumo de Annonaceae e a sobre representação da síndrome parkinsoniana atípica em Guadalupe.

No entanto, até à data, e com base em dados experimentais disponíveis, não é possível afirmar que os casos de síndromes parkinsonianos atípicos observados em Guadalupe estejam ligados ao consumo de Annonaceae tais como a Annona Muricata L.

A doença de Parkinson pode ser devida a uma concentração demasiado elevada de alumínio no solo. Vários estudos eliminaram a Graviola como sendo responsável.

Em 2010, a Agência Francesa de Segurança Alimentar (Agence Française de Securité Sanitaire des Aliments) concluiu que, com base nos resultados da pesquisa, "não é possível confirmar que os casos observados da síndrome atípica de Parkinson [...] estão relacionados com o consumo de Annona Muricata ", apelando para um estudo mais aprofundado sobre os riscos potenciais para a saúde humana.

https://pt.wikipedia.org/wiki/Graviola


A Herbal D-Tox vende exclusivamente os seus produtos na internet para minimizar os custos de distribuição e tornar a Graviola disponível para todos ao melhor preço.


Temos funcionários e escritórios em vários países do Sudeste Asiático e na Europa.

Gerimos toda a cadeia produtiva a partir desses escritórios, desde a seleção das folhas que são colhidas à mão, até ao transporte dos produtos.

Todos os nossos produtos são preparados e embalados nos nossos laboratórios na Tailândia. Mantemos um rigoroso controlo de qualidade em todas as fases, desde a seleção das folhas até à expedição, de forma a garantir um nível de qualidade impecável.

Estamos firmemente comprometidos com uma abordagem responsável e sustentável, tanto em termos da dimensão ética da nossa colaboração com os nossos produtores e parceiros, como também em termos da agricultura natural e sustentável.

Os nossos produtos são armazenados na França e enviados a partir de lá.


Se esqueceu a sua senha, tem que ir à página de login:

https://www.herbal-d-tox.com/user/login

Em seguida, clique em “Alteração de palavra passe

enter image description here

Será enviado um email para que você possa escolher uma nova senha.


As diferentes etapas do processo de compra são:

  1. Registo no site da Herbal D- Tox;
  2. Escolha de produtos;
  3. Seleção da quantidade de produtos;
  4. Selecionar o tipo de Envio: Standard / Normal, Rápido ou Expresso;
  5. Escolher o método de pagamento: cartão de crédito, transferência bancária, PayPal ou Western Union (depende dos países)
  6. Um e-mail de confirmação será enviado para o endereço de e-mail fornecido na etapa 1.

Quando optar por pagar com cartão de crédito, deve preencher 4 campos:

  1. O seu número de cartão de crédito
  2. MM é o mês de expiração do cartão de crédito
  3. AA é o ano de expiração do cartão de crédito
  4. CVC é o código de 3 dígitos confidencial na parte de trás do seu cartão de crédito
  5. Clique em PAGAR

Quando paga no site Herbal D-Tox, a transação é completamente segura. Um pequeno cadeado é exibido no topo na sua barra de endereços do navegador, indicando que as informações bancárias fornecidas são criptografadas e nunca circulam na Internet de forma não criptografada.

enter image description here

O seu número de cartão de crédito nunca será armazenado, e quando entrar na área de pagamento seguro, a informação vai direta e exclusivamente para o nosso parceiro bancário Checkout, bem reconhecido pela sua confiabilidade.

SSL = Secure Socket Layer

É um sistema para a troca de informações entre dois computadores com segurança. O sistema SSL fornece três coisas:

  • Privacidade: É impossível de aceder às informações trocadas.
  • Integridade: É impossível cometer fraude com as informações trocadas.
  • Autenticação: Garantia da identidade do programa, pessoa ou empresa com quem nos comunicamos.

Se você optou por pagar por cheque ou transferência bancária, mas agora quer pagar com cartão de crédito para acelerar o processo de compra:

Tudo que você precisa fazer é entrar na sua conta Herbal D-Tox com o seu endereço de e-mail e senha, clicar no seu nome no canto superior direito, e editar a sua encomenda na página seguinte, no canto inferior esquerdo.

enter image description here

Nessa altura poderá escolher o pagamento através de cartão de crédito e terminar o processo de pagamento.


Se optar por pagar com cheque ou transferência bancária:

Os dados bancários e o endereço de envio serão enviados por e-mail no final processo de compra, depois de ter feito a sua escolha: "Pagamento por cheque" ou "Transferência Bancária", dependendo do caso.

enter image description here

Não se esqueça de verificar a pasta de lixo eletrônico / spam na sua caixa de correio.


Há duas formas de pagamento on-line com cartão no site Herbal D-Tox:

  1. Escolher Pagamento com Cartão: em seguida, clicar no botão "PAGAR" enter image description here

  2. Escolha o método Pagamento com PayPal (mesmo se não tiver uma conta PayPal): • Depois de escolher o PayPal clique em "Clicar aqui para efetuar pagamento" https://www.herbal-d-tox.com/img/others/s2yw.jpg • Clique em "pagar com meu cartão de débito ou de crédito" enter image description here • Preencha os campos e clique na parte inferior da página em "Pagar" enter image description here

• A página seguinte irá confirmar a validade da transação.

Não hesite em contactar-nos se tiver quaisquer dúvidas.


A Herbal D-Tox oferece aos seus clientes um serviço de rastreamento das encomendas. Irá receber o número de rastreamento no e-mail de confirmação do pedido. O rastreamento ajuda-o a saber a localização geográfica da sua encomenda, ligando-se ao site da respetiva transportadora:

  • TNT é para o transporte expresso
  • GLS Flex é para entrega rápida
  • Correio normal para a entrega padrão. (O correio normal não oferece este serviço para todas as remessas)

A Herbal D-Tox oferece-lhe 3 métodos de entrega que poderá ser feita na sua casa ou num local de pick-up de acordo com a sua escolha:

  1. Entrega Express: Entrega em 1 dia útil (TNT Express)
  2. Fast Delivery: entrega em 2/3 dias úteis: (GLS)
  3. Entrega normal: gratuita dentro de 10 dias úteis: (Correio Normal) enter image description here

Estes prazos aplicam-se ao território europeu continental;

Adicionar 1 a 2 dias para as ilhas francesas, Bélgica, Luxemburgo e alguns países europeus. Adicionar 5 a 6 dias para os países do Magrebe e outros países europeus mais distantes.

Ligue-nos: +(351) 291 223 721

9am to 12am and 1pm to 6pm